CRESCIMENTO DOS CABELOS

Pantogar é um produto eficaz para o tratamento de queda dos cabelos femininos. A eficácia de Pantogar foi documentada em estudos científicos detalhados: Pantogar reduz significativamente a queda dos cabelos, estimulando um crescimento saudável dos fios e melhorando sua qualidade e resistência.
É importante lembrar que Pantogar não é indicado para o uso de calvice masculina.
  • Perda difusa de cabelos (perda de cabelo por razões desconhecidas).
  • Alterações degenerativas na estrutura de cabelo (cabelo enfraquecido, fino, não maleável, quebradiço, sem vida, opaco e sem cor), cabelos danificados pela luz do sol e radiação UV, prevenção do aparecimento de fios brancos.
  • Desordens no crescimento das unhas (unhas quebradiças, rachadas e pouco maleáveis).
Informações Nutricionais:
Porção: 1 comprimido
Conteúdo: 90 comprimidos
Composição:
Vitamina B1 60 mg D-Pantotenato de Cálcio 60 mg Levedura 100 mg Cisteína 20 mg Queratina 20 mg Ácido Paraminobenzóico 20 mg
Cuidados e Advertências
Uma vez que a formação dos cabelos ocorre lentamente, é importante tomar Pantogar regularmente, na dose prescrita por um período de 3 a 6 meses para garantir o sucesso do tratamento.
Pantogar não é indicado para alopécia cicatricial ou androgenética/convencional (calvície masculina). Entretanto, nestes casos, Pantogar® pode fortalecer os cabelos remanescentes. A alopécia cicatricial se caracteriza pela ausência ou diminuição definitiva dos pêlos, podendo ser causada por traumas, queimaduras químicas ou físicas, infecções por fungos, bactérias, vírus ou outros parasitas, câncer interno e doenças, tais como: líquem plano pilar, lupus eritematoso, esclerodermia, mucinose folicular.
Se os sintomas persistirem ou se o objetivo do tratamento não for alcançado, consulte seu médico.
Reações Adversas (não aconselhável)
Gravidez – Recomenda-se que Pantogar seja utilizado apenas na segunda metade da gestação. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.
Lactação – Não são conhecidas restrições para o uso do produto durante a lactação.
Pediatria – Não se recomenda o uso do produto por crianças menores de 12 anos de idade, uma vez que não foram realizados estudos específicos para esta faixa etária.
Geriatria (idosos) – Não são conhecidas restrições para o uso do produto por pacientes idosos. Insuficiência renal/hepática Não são conhecidas restrições para o uso do produto por pacientes com insuficiência renal ou hepática. Não há contra-indicação relativa.
Foram relatados raros casos de reações de intolerância ao medicamento, tais como: aumento repentino do suor, pulso acelerado, reações dermatológicas como coceira e urticária ou desconforto gastrointestinal como queimação, náuseas, gases e dor abdomina



Postar um comentário